Comportamento

Jogador de futebol morre em ataque de crocodilo em Moçambique

Jogador de futebol morre em ataque de crocodilo em Moçambique

(Arquivo) Um jogador de futebol de Moçambique de 19 anos morreu na semana passada em Tete, no oeste do país, no ataque de um crocodilo quando treinava perto de um rio - AFP/Arquivos

Um jogador de futebol de Moçambique de 19 anos morreu na semana passada em Tete, no oeste do país, no ataque de um crocodilo quando treinava perto de um rio, informou nesta segunda-feira seu clube.

A vítima, Estevão Alberto Gino, jogava no clube de segunda divisão Atlético Mineiro e vivia perto do rio Zambeze.

“Naquela noite fazia exercícios. Depois de correr, tinha as mãos na água quando o crocodilo o prendeu”, explicou à AFP seu treinador, Eduardo Carvalho.

Dois vizinhos que acompanhavam o jogador presenciaram a cena. “Não puderam fazer nada”, acrescentou Carvalho.

Os ataques de crocodilos são frequentes no rio Zambeze. “Os cidadãos não têm água corrente, e por isso têm o costume de ir ao rio”, explicou o técnico.

Um porta-voz da polícia local confirmou os incidentes à AFP. Segundo Leonel Muchina, ainda buscam o corpo da vítima.