Esportes

CBV convoca coletiva às pressas para anunciar futuro de Bernardinho nesta quarta

A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) convocou às pressas nesta quarta-feira uma coletiva de imprensa para esta tarde, às 16 horas, quando irá anunciar o futuro do técnico Bernardinho. Por meio de nota oficial, a entidade informou que no encontro com os jornalistas “será anunciado o nome do treinador da seleção masculina para este próximo ciclo olímpico”.

A saída de Bernardinho do comando do time nacional do Brasil vem sendo cogitada desde o ano passado, quando ele levou a seleção à conquista do ouro nos Jogos do Rio, em agosto. Também campeão olímpico à frente do time nacional masculino em Atenas-2004, ele ainda acumula duas pratas conquistadas como técnico nos Jogos de Pequim-2008 e Londres-2012.

Tendo em vista o fato de que já está altamente consagrado como treinador do Brasil, pelo qual conquistou inúmeros outros títulos, entre eles três do Campeonato Mundial, em 2002, 2006 e 2010, dois da Copas do Mundo e oito da Liga Mundial, a tendência é a de que Bernardinho anuncie o fim do seu ciclo na seleção.

Mais vitorioso treinador de seleção da história do vôlei, ele também acumulou dois bronzes olímpicos à frente da seleção brasileira feminina, em Atlanta-1996 e Sydney-2000, este último ano no qual assumiu o time masculino para nunca mais sair do cargo.

Bernardinho vinha negociando o seu futuro com a CBV nos últimos meses e apenas agora as partes chegaram a um acordo, que será revelado na tarde desta quarta-feira. Caso realmente deixe a seleção, irá encerrar um período de mais de duas décadas de dedicação ao time nacional, tendo em vista o período de trabalho acumulado nas equipes feminina e masculina do País.

No último dia 23 de dezembro, em entrevista à TV Globo, ele deu pistas de que o término de sua passagem pela seleção estaria próximo. “Pela primeira vez, estou refletindo no que vou fazer. Minha vida sempre foi seleção, clube e pensar no vôlei. Está na hora de eu pensar um pouco. Não me afastar totalmente, mas você pensa. São tantos anos ali. Dá um certo medo do desconhecido”, afirmou Bernardinho, naquela ocasião, quando prometeu uma definição para este mês de janeiro.