Cultura

Aos 89 anos, morre o ator norte-americano Martin Landau

LOS ANGELES, 17 JUL (ANSA) – O ator norte-americano Martin Landau, 89 anos, faleceu no último sábado (15) por “complicações inesperadas” após uma internação no fim de semana, informou seu agente, Dick Guttman, neste domingo (16).   

Com uma carreira iniciada na década de 1950, Landau ficou mundialmente famoso por diversos papéis nos cinemas e em séries de televisão. Entre suas principais atuações, está a série “Missão Impossível”, na década de 1960, e os filmes “Intriga Internacional” (1959), de Alfred Hitchcock, “Tucker – Um homem e seu sonho” (1988), de Francis Coppola, e “Crimes e Pecados” (1989), de Woody Allen.   

Além de ter recebido indicações ao Oscar pelos filmes com Coppola e Allen, Landau finalmente recebeu sua estatueta em 1995 pela interpretação como “Bela Lugosi”, lendário ator que eternizou “Drácula”, no filme “Ed Wood” (1994), de Tim Burton. (ANSA)