A semana

A medida da loucura: 3,5 litros de silicone em cada seio

A medida da loucura: 3,5 litros de silicone em cada seio

Siliconar os seios é uma cirurgia plástica eletiva – a paciente se responsabiliza por eventuais riscos, já que não é caso de vida ou de morte. A modelo brasileira Sheyla Almeida, 30 anos, assumiu tal responsabilidade e fez mais de 30 plásticas, nove delas para aumento dos seios  com silicone. Chegou a um ponto em que nos EUA não houve médico que aceitasse a missão de continuar turbinando a moça. No Brasil, no entanto, foi diferente: ela encontrou doutor com bisturi na mão que lhe fez a última vontade e subiu-lhe para 3,5 litros de silicone a medida de cada seio. O que era loucura pela estética, agora é pânico diante do risco de morte: Sheyla está com grave infecção bacteriana e sob risco de septicemia.