A semana

A melhora na mortalidade infantil

A melhora na mortalidade infantil

Relatório da Unicef divulgado na terçafeira 22: de 1990 para cá, a mortalidade infantil caiu pela metade no Brasil. Só no último ano, o País melhorou 27 posições no ranking da mortalidade de crianças – foi da 86a colocação para a 113a, entre 196 países. Atualmente, a cada mil crianças brasileiras, 20 morrem até os cinco anos de idade. O relatório também revela a disparidade entre os Estados brasileiros.

Uma criança alagoana corre duas vezes mais risco de morrer do que as paulistas ou catarinenses. Outro dado: crianças negras morrem 48% mais em relação às brancas. Ainda assim, dentro da melhora geral, os Estados mais pobres do País melhoraram mais do que os ricos.