A semana

Cortaram a linha de Requião

O Procon do Paraná multou a TIM em R$ 1,7 milhão. O motivo foi o corte de linhas telefônicas de servidores públicos, entre eles o governador Roberto Requião. Ele diz que o corte foi feito porque a operadora não identificou a quitação de uma dívida de R$ 34. A TIM alega que a dívida é de R$ 12 mil e que ainda não foi saldada, não se tratando portanto de falha em seu sistema. Segundo o Procon, a empresa deveria ter esperado duas semanas após o vencimento para cortar as linhas.