Gente

Últimas lições

Um último artigo inédito do ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos foi publicado na "Revista do Advogado", da Associação dos Advogados de São Paulo (AASP), lançada na quinta-feira 18.

Últimas lições

GENTE-06-IE.jpg

Um último artigo inédito do ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos foi publicado na “Revista do Advogado”, da Associação dos Advogados de São Paulo (AASP), lançada na quinta-feira 18. Bastos, que morreu há um mês, deixou lições em sete páginas do texto “Um modelo de Política de Combate à Corrupção”. Entre os caminhos sugeridos, ele destacou a transparência pública e a prevenção aliada à punição. Sugeriu ainda uma educação cidadã para “mudar a mentalidade social que ainda tolera a malversação”. Propôs uma reforma política “que diminua a influência do dinheiro nas eleições”. Citou Norberto Bobbio, Max Weber e Padre Vieira. Mencionou Lula e seus anos no Ministério da Justiça. E terminou: “O que está em jogo é o aperfeiçoamento das nossas instituições democráticas”.

Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr