Copa 2014

Camarote

Camarote

Elogios aos argentinos… e críticas aos brasileiros

abre.jpg

A disputa entre Bósnia e Argentina no Maracanã, no domingo 15, contou com a presença do cantor Caetano Veloso, que foi para o estádio de metrô, acompanhado do filho mais novo, Tom. Depois da partida, o músico elogiou a torcida argentina, cujos cantos fizeram seus olhos “se encherem de lágrimas”, e criticou os brasileiros que xingaram a presidente Dilma Rousseff na abertura da Copa, no Itaquerão. “Esses, não dá para perdoar”, disse.

Pombinhos

CAMAROTE-11-IE-2326.jpg

Após Brasil e México, Neymar e Bruna Marquezine puderam curtir uma noite romântica. O casal se encontrou, por volta da 1 hora da manhã, no hotel Santa Teresa (RJ), onde Bruna esperava o namorado com flores, chocolates e champanhe. Os pombinhos deixaram o quarto às 16h30 do dia seguinte.

O que faz a cabeça na Copa

Na partida Brasil x México, no dia 17, Daniel Alves e Neymar chamaram a atenção ao aparecerem com as madeixas descoloridas, quase brancas. “Foi um gol contra. Daniel Alves ficou parecendo um vovô e o louro claríssimo não combinou com Neymar”, diz o cabeleireiro Wanderley Nunes, do badalado salão Studio W. De gosto duvidoso ou não, penteados irreverentes fazem a cabeça de muitos jogadores de futebol. Eis os candidatos a corte memorável da Copa de 2014:

IEpag71Copa_Camarote.jpg

Banho de descarrego

CAMAROTE-X-IE-2326.jpg

Após a derrota para o Brasil, os jogadores da Croácia foram descansar num resort em Mata de São João, na Bahia. E levaram a sério a proposta de relaxamento. Foram flagrados na piscina tomando banho nus. Detalhe: o hotel não estava fechado para eles. Diante da repercussão, se recolheram e nem deram a entrevista coletiva que estava prevista para o dia. Não se sabe se foi o banho, os ares da Bahia ou a volta do craque Mandzukic ao time, mas a seleção venceu Camarões por 4 x 0 na Arena Manaus na quarta-feira 18.

Filho de peixe…

CAMAROTE-12-IE-2326.jpg

Mick Jagger não veio, mas seu filho, Lucas, foi à Arena São Paulo com a mãe, a apresentadora Luciana Gimenez (foto), na quinta-feira 19, torcer para a Inglaterra contra o Uruguai. Pelo resultado da partida, 2 x 1 para os latino-americanos, o adolescente de 14 anos deve herdar a fama de pé-frio conferida ao pai no Mundial da África do Sul.

Chefes de Estado pés-quentes

01.jpg

Chefe de Estado no estádio garante a vitória da seleção. Pelo menos é o que tem acontecido até agora nesta Copa. A chanceler alemã Angela Merkel vibrou com os quatro gols da Alemanha sobre Portugal, no dia 16, em Salvador. Após o jogo, ela fez questão de ir até o vestiário. O mesmo fizeram o rei holandês Willem-Alexander e a rainha Máxima, que estiveram em Porto Alegre para a partida Holanda 3 x Austrália 2, no dia 18. Já o vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, também comemorou os 2 a 1 marcados por seu time contra a seleção de Gana, em Natal, no dia 16. Nos vestiários, ele ficou de joelhos para cumprimentar uma torcedora americana. Recém-eleito, o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, também foi ao estádio de Brasília cruzar os dedos por seu time. O placar? 2 x 1 para os colombianos.

Fotos: Julio Cortez/ap; PHILIPPE HUGUEN, ODD ANDERSEN, FRANCISCO PARAÍSO, TOSHIFUMI KITAMURA, MARTIN BUREAU, GIUSEPPE CACACE /AFP; Rafael Ribeiro; Guido Bergmann, Alex Livesey, Alex Grimm – Getty Images; Marcio Jose Sanchez/ap; Sanjin Strukic/Pixsell