A semana

A Pane Da Redecard

Um dia iria estourar. Estourou. E justo à véspera do Natal, data em que lojistas têm o direito de vender muito e o consumidor tem igual direito de comprar muito. Estourou no Brasil o problema de existirem monopólios operando cartões de crédito – no caso a Redecard. Ela travou para crédito e débito. Num país onde se telefona para a casa dos cidadãos oferecendo-se cartões (sem autorização e inclusive nos finais de semana), o mínimo que se espera é que operadoras funcionem impecavelmente. A Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas entrará com ação na Justiça, uma multidão de consumidores, idem. Até a quarta-feira 30, a Redecard não informara claramente o motivo da pane.