A semana

Fábio Barreto “Dirigia Em Alta Velocidade e Sem Cinto”, Diz Testemunha

Fábio Barreto “Dirigia Em Alta Velocidade e Sem Cinto”, Diz Testemunha

“Falar em sequelas tão cedo é fazer exercício de futurologia”, disse à ISTOÉ na terça-feira 22 o neurocirurgião Paulo Niemeyer Filho, chefe da equipe que cuida do cineasta Fábio Barreto, diretor de “Lula, o Filho do Brasil” (estreia prevista para 1o de janeiro). Ele sofreu um acidente de carro no Rio de Janeiro no sábado 19 e desde então está em coma induzido. Seu estado é bastante grave e sabe-se que, devido à lesão cerebral no lobo temporal esquerdo, é alta a probabilidade de ter comprometidas a linguagem, a memória e a capacidade de concentração. Também na terça-feira, o salva-vidas Wagner Generoso, que o socorreu, relatou que Fábio “dirigia em alta velocidade, não estava com cinto de segurança e que nenhum carro o fechou”.