A semana

Francis Bacon, o mais caro pintor na história das artes

Francis Bacon, o mais caro pintor na história das artes

Um tríptico do artista plástico britânico Francis Bacon (1909-1992) é a mais cara obra de toda a humanidade já vendida em um leilão. Chama-se “Three Studies of Lucian Freud” e foi arrematada na semana passada por US$ 142 milhões. O tríptico retrata o artista Lucian Freud (amigo de Bacon no dia a dia, mas seu adversário no campo profissional) em uma cadeira, e o leilão foi na Christie’s de Londres (o nome do comprador não foi divulgado). O recorde anterior era do pintor norueguês Edvard Munch, com a obra “O Grito”, vendida no ano passado por US$ 120 milhões.