A semana

US$ 3,5 bilhões

é quanto o Brasil perde anualmente com a gravidez de adolescentes – nesse valor estão incluídos despesas com serviços da rede pública de saúde e desperdício de investimentos feitos na educação, uma vez que a maioria abandona a escola ao engravidar. A cada ano, somando-se diversos países em desenvolvimento, tem-se que cerca de 7,3 milhões de adolescentes dão à luz. Os dados são da ONU.