Gente

Hebe forever

Caixas etiquetadas com milhares de cartas, araras de vestidos, sapatos, objetos pessoais e uma infinidade de fotografias de Hebe Camargo

Hebe forever

4.jpg

Caixas etiquetadas com milhares de cartas, araras de vestidos, sapatos, objetos pessoais e uma infinidade de fotografias de Hebe Camargo obrigaram a empresária Helena Caio a esvaziar alguns cômodos da mansão da apresentadora, em São Paulo, só para acomodar o acervo em fase de organização. Mulher de Claudio Pessutti, empresário e sobrinho de Hebe, Helena sofre para selecionar os ítens da exposição que fará parte do projeto Hebe Forever. “O desafio será editar o acervo dela. Imagine resumir uma história de sucesso dos 16 aos 83 anos?”, diz Helena, anjo da guarda da apresentadora até a sua morte, que completa um ano em setembro.