Brasil

Lula: Brasileiro do Ano

Homenageado em evento realizado pela ISTOÉ, o presidente mostrou seu conhecido bom humor e revelou a articulação que fez para incentivar o brasileiro a continuar comprando no auge da crise. "Nunca imaginei que um dia eu iria fazer apologia ao consumo"

Lula: Brasileiro do Ano

Luiz Inácio Lula da Silva - Brasileiro do Ano da Revista IstoÉ ()

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi o grande vencedor do prêmio Os Brasileiros do Ano, realizado pela revista ISTOÉ, na última segunda-feira. Lula recebeu o prêmio como Brasileiro do Ano das mãos do editor e diretor responsável da Editora Três, Domingo Alzugaray, e do presidente executivo da editora, Caco Alzugaray.

Além do presidente, outras personalidades nacionais também foram homenageadas no evento, como o empresário Abílio Diniz, o publicitário Nizan Guanaes, o nadador César Cielo, o apresentador Luciano Huck, a atriz Juliana Paes, a apresentadora Sabrina Sato e o jogador Ronaldo.

O presidente Lula iniciou seu discurso de agradecimento mostrando seus conhecidos bom humor e carisma. “Vocês estão com sorte, pois eu não posso improvisar. Tenho de pegar um avião daqui a pouco para Montevidéu. Caso contrário, iria falar até cansar”, disse. E continuou ao agradecer a Domingo Alzugaray pelo apoio recebido nos tempos difíceis. “A gente lembra muito mais das pessoas que ficaram do nosso lado nos momentos complicados, do que daquelas que ficam do nosso lado nas horas boas. Afinal, em baile com muita mulher bonita, não precisamos de companheiros”. Mas, obviamente, Lula também falou de política.

O presidente lembrou da força que o Brasil demonstrou diante da crise econômica mundial e das críticas que recebeu quando declarou que o país estava enfrentando apenas “uma marolinha”. E revelou a articulação que fez quando, no auge da crise, as pesquisas mostravam queda nos índices de consumo no país. “Quando a imprensa divulgou aquela pesquisa, eu chamei o Franklin (Martins, ministro da Comunicação Social) e falei pra ele: ‘Eu tenho de falar pro povo ignorar a crise e comprar mesmo’. E deu certo”.  E acrescentou: “Eu era da juventude contra a sociedade consumista. Nunca imaginei que um dia eu iria fazer apologia ao consumo”.

O presidente Lula disse, ainda, que dedicava o prêmios aos “aos brasileiros que vivem no anonimato e que aos poucos estão conquistando sua cidadania”. E encerrou: “Esse prêmio é uma síntese do que o povo brasileiro fez nos dias que estamos vivendo hoje”. Assista, abaixo, os melhores momentos do discurso que Lula fez logo após receber o prêmio Brasileiro do Ano.

lula_site.jpg

lula_2site.jpg

 

lula_3_site.jpg