A semana

Conar suspende a “Dieta do sexo”

Diante de manifestação do Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar), a marca de preservativo Prudence se desculpou e retirou do ar a sua campanha “Dieta do sexo”. Nela se afirmava que tirar a roupa de uma mulher, com o consentimento dela, queima dez calorias, enquanto despi-la, sem o seu consentimento, consome 190 calorias. A peça publicitária foi acusada de incitar a violência sexual.