A semana

Bullying no ônibus escolar

Bullying no ônibus escolar

Um vídeo feito com celular e visto 8,3 milhões de vezes no YouTube mostra a monitora de ônibus escolar americana Karen Klein sendo humilhada por um grupo de adolescentes. “Gorda idiota”, “elefante”, “paquiderme”, “qual o tamanho do seu sutiã?”, gritam eles. Chocado com a violência, o canadense Max Sidorov resolveu promover uma campanha na internet para dar férias a Sally. Seu objetivo era arrecadar-lhe US$ 5 mil. Conseguiu US$ 709 mil. Com o dinheiro, ela vai se aposentar. Os agressores estão suspensos por um ano.