Cultura

O improvável suburbano

Marcos Caruso ganha espaço em "Avenida Brasil" com o personagem Leleco, que é exatamente o seu contrário na vida real

O improvável suburbano

01.jpg

Ele não fala alto, prefere vinho a cerveja e não tem um time de futebol do coração. O paulista Marcos Caruso não lembra em nada o ex-pugilista Leleco, seu personagem na novela da Rede Globo “Avenida Brasil”. Aos 60 anos, ele vive um homem maduro que finge ter autoconfiança mas, ao conquistar uma mulher bonita e bem mais jovem, se mostra muito inseguro. “Sempre procurei desafios e o Leleco é um desses, já que é o oposto de mim.Eu não gostava nem de sinuca nem de boxe, mas hoje aprecio tudo isso”, disse o ator à ISTOÉ. Magro, ele começou a fazer musculação e boxe semanalmente, anda de bicicleta e toma sol quase todos os dias para manter o bronzeado do ex-pugilista.

02.jpg
SEMPRE ALERTA
Leleco desconfia de Tessália, mas a trai com a ex-mulher

Na vida real, Caruso não é ciumento, ao contrário de Leleco, personagem excessivamente desconfiado da lealdade de Tessália (Débora Nascimento), sua esposa 35 anos mais jovem que lhe é extremamente fiel. No fim, é ele quem acaba traindo a mulher – e com a ex, Muricy (Eliane Giardini). Para o ator, que também é escritor e diretor, seu personagem tem baixa autoestima: “Leleco não consegue acreditar que aquela mulher maravilhosa possa querer estar com ele e coloca esse amor à prova o tempo todo. Mas não acredito que mataria alguém por isso. O ciúme dele não é tão grande assim”. Apesar da dedicação do marido à jovem esposa, Caruso aposta em um final em que Leleco e Muricy reatam o casamento: “Ela é o grande amor da vida dele, que trai a si mesmo por não viver esse sentimento”.

Fotos: Divulgação