A semana

Saia justa no PMDB

Como ISTOÉ revelou na semana passada, a presidenta Dilma Rousseff quer transformar o ministro Edison Lobão no sucessor do presidente do Senado, José Sarney, a fim de impedir a eleição de Renan Calheiros. Sarney não quer desagradar Dilma, mas se sente pressionado pelo senador alagoano, a quem considera mais habilitado para um cargo que exige forte capacidade de articulação política. O ex-presidente, aliás, tinha outros planos para Lobão: elegê-lo no lugar da filha Roseana ao governo do Maranhão em 2014, combatendo uma eventual candidatura de Flávio Dino (PCdoB), arqui-inimigo do clã no Estado.