Gente

Monalisa rock-n’-roll

Poder. Não há termo mais adequado para definir a britânica Kate Moss, 35 anos.

Monalisa rock-n’-roll

Modelo mais famosa do mundo, ícone de beleza, atitude, rebeldia e contemporaneidade, Kate Moss ganhou uma exposição só dela no museu do Louvre, na França, aberta na semana passada. Por meio de fotos de ensaios e campanhas, a mostra se propõe a decifrar o encanto de Kate ao longo de seus 20 anos de carreira, uma eternidade quando o assunto é moda. A iniciativa criou polêmica entre os franceses. Afinal, ela estará não muito distante, e disputando os olhares, com ninguém menos que Monalisa.

chamada.jpg

 

O Ano foi dela
img1.jpg
Graças à sua interpretação em “Caminho das Índias”, o ano de 2009 na tevê foi de Juliana Paes. E, na semana passada, essa conquista foi coroada com o prêmio Emmy de melhor telenovela, em cerimônia realizada em Nova York. Juliana, que apresentou uma das categorias do prêmio e estava ao lado da autora Glória Perez na hora de receber a estatueta, roubou a cena com um vestido curto branco, desenhado pelo amigo Rodrigo Grunfeld. “Vestido longo é para gente careta”, comentou ela, que pretende se casar (novamente) com o marido, Carlos Baptista, em Las Vegas.

Mala na mão e uma ideia na cabeça
img2.jpg
Enquanto as modelos brasileiras que moram no Exterior rumam para o Brasil, onde passam o fim de ano com a família e esticam até o São Paulo Fashion Week, em janeiro, a top e apresentadora do “Esquadrão da Moda” do SBT, Isabella Fiorentino, faz o caminho inverso. Ela está de malas prontas para Miami, onde passará suas férias. Com a cabeça em 2010, ela já tem uma meta. “Minha vida de casada está ótima e quero ser mãe no ano que vem”, revela. “Queremos ter um menino.”

Coroa enxuto
img3.jpg
De passagem pelo Brasil para um show e uma série de eventos em prol do meio ambiente na última semana, o cantor britânico Sting (The Police) curtiu horas de descanso em São Paulo e no Rio de Janeiro. Aos 58 anos, ele mostrou que continua em ótima forma ao ser fotografado na praia de Ipanema, no Rio. Sting, claro, não deixou de rever velhos amigos, como o cacique Raoni, que subiu ao palco de seu
show na Chácara do Jockey, em São Paulo, e o acompanhou em palestras.

Ecos da crise
img5.jpg
Mal das pernas desde outubro, o empresário francês François Henri-Pinault, marido da atriz Salma Hayek e dono do grupo Pinault-Printemps-Redoute, anunciou que pretende vender algumas de suas marcas, como a rede de lojas Fnac. Se o negócio vingar, ele pretende retomar seu plano de expansão no mercado de luxo (é dono do grupo LVMH) ainda no ano que vem, com a compra de grifes como a Lacoste. “Quanto mais cedo a venda acontecer, melhor”, disse ele, afirmando que há pelo menos 20 compradores interessados na marca.

Doce veneno
img4.jpg
Adriana Birolli, a malvada Isabel da novela global “Viver a Vida”, está extasiada. Atriz desde os 8 anos, a curitibana, de 23, sempre fez teatro e se surpreende com a repercussão de seu primeiro grande papel na televisão. “Nunca tinha parado para pensar o que é interpretar uma vilã. Mas agora entendo quem diz que esses são os melhores papéis.” Sobre a reação do público, ela conta que ainda não sofreu nenhum tipo de represália nas ruas, mas avisa: “Sou escoteira, tenho noções de caratê e um excelente preparo físico”, ri.

Mal na foto
img6.jpg
O ator inglês Jude Law comprou um apartamento e só depois descobriu que o imóvel é vizinho do alojamento da Universidade de Nova York. De manhã, ao praticar ioga em sua varanda, ouvia gritinhos das estudantes e percebia os flashes. “Toda vez que ele aparecia, virava um caos”, contou a estudante Priya Vii, 18 anos, ao “New York Post”. Na semana passada, no entanto, ele se irritou e atirou laranjas nas moças – duas acertaram vidraças. “Não gostamos mais dele”, disse a estudante Neha Najeeb. Pelo jeito, adiantou