A semana

Toma-lá-dá-cá

Toma-lá-dá-cá

ANTONIO LAVAREDA, sociólogo e cientista político
ISTOÉ – As classes D e E perderam, de fato, expressão eleitoral?
Lavareda – As classes D e E eram mais de 50%, mas estão reduzidas a 23%. A classe C,  hoje, representa 58% do eleitorado. Quem vai resolver as próximas eleições é a classe C.
ISTOÉ – O que a oposição deve fazer nas eleições de 2012?
Lavareda – A oposição precisa fazer um esforço estratégico maior com vistas às eleições municipais, sobretudo de prefeito. Elas vão antecipar, com estreita associação, as eleições para a Câmara em 2014.
ISTOÉ – A oposição está sem rumo no Brasil?
Lavareda – Quando a economia vai bem e a popularidade do governo cresce, as oposições têm natural dificuldade de se posicionar.