Em Cartaz

Um brinde a Paul Giamatti

A Academia de Hollywood ainda não fez justiça ao talento do ator Paul Giamatti, dono aos 43 anos de um currículo de mais de 70 filmes e produções para a tevê

Um brinde a Paul Giamatti

Assista ao trailer :

MinhaVersaoAmor_site.jpg

 

 

 

 

CARTAZ-ABRE-CINEMA-IE-2162.jpg

 

 

 

A Academia de Hollywood ainda não fez justiça ao talento do ator Paul Giamatti, dono aos 43 anos de um currículo de mais de 70 filmes e produções para a tevê. Talvez porque ele interprete, em sua maioria, homens comuns como o produtor de televisão Barney Panofsky,
protagonista de “A Minha Versão para  o Amor” (em cartaz na quinta-feira 21). Esse drama de tinturas cômicas acompanha a vida do personagem, da juventude na louca Roma dos anos 1970 à velhice marcada pelos sintomas de Alzheimer. Impulsivo e adepto da bebedeira cotidiana, Panofsky passa por três casamentos, mas não consegue fazer com que nenhum deles dure o suficiente. Suas cenas com o pai, um expolicial que fala o que vem à cabeça (papel de Dustin Hoffman), são momentos especiais nesse bom filme de Richard J. Lewis, da série “CSI”.

+5 filmes de Paul Giamatti

cartaz-03-ie-2162.jpg

 

 

SIDEWAYS (FOTO)
O ator interpreta um enólogo que redescobre o amor em uma viagem pelas vinícolas da Califórnia

A DAMA NA ÁGUA
Giamatti é o solitário morador de um condomínio visitado por uma ninfa nessa história fantástica de M. Night Shyamalan

ANTI-HERÓI AMERICANO
Adaptação do quadrinho “American Splendor”, de Harvey Pekar. Giamatti interpreta o cartunista 

A LUTA PELA ESPERANÇA
O protagonista desse filme de boxe é Russell Crowe, mas quem brilha é Giamatti, como o agente do lutador

COSMÓPOLIS
Ele será um banqueiro nesse drama dirigido por David Cronenberg e baseado no livro homônimo de Don DeLillo