A semana

Devagar, quase parada

A Polícia Federal está sofrendo com o corte nas despesas de diárias e passagens. Agentes e delegados reclamam que muitas operações entraram em marcha lenta. Algumas pararam. Os deslocamentos são limitados e existe risco de fechamento de escritórios de inteligência que monitoram o crime organizado.