A semana

Porta de saída

A senadora Kátia Abreu (DEM-TO) disse a interlocutores que o “fogo amigo” tem contribuído para apressar sua ­saída do partido. Nos últimos dias, gente da legenda espalhou, maldosamente, que Kátia teria dito que preferia apoiar Dilma, em 2014, a Aécio. “Ele é meu colega e não tenho motivos para depreciá-lo”, negou a senadora.