A semana

Amor, tiros e facadas

A cerca de 220 quilômetros de São Paulo, a pequena cidade de Cunha está em estado de choque. Duas irmãs muito jovens (15 e 16 anos), queridas por toda a comunidade, foram assassinadas a tiros e facadas e seus corpos estavam jogados num matagal a quase oito quilômetros do local onde elas foram vistas pela última vez. Segundo a polícia, o motivo do crime é roteiro de filme de terror: o suspeito dos homicídios tem 28 anos e estaria apaixonado pela irmã mais nova. Como é casado, teria matado as irmãs para provar seu amor à mulher, 22 anos mais velha do que ele. Ainda de acordo com a polícia, essa mulher o teria incentivado ao crime. A Justiça decretou a prisão temporária desse suspeito (foragido até a quarta-feira 30), mas se recusou a decretar a prisão de sua mulher. Cerca de três mil pessoas foram ao velório das jovens.