A semana

Condenado homem que teve oito filhos com a enteada

Condenado homem que teve  oito filhos com a enteada

Foi condenado a 14 anos de prisão na Alemanha o caminhoneiro Detlef S., 48 anos, por ter abusado sexualmente de sua enteada, do irmão dela e de sua filha biológica – com a enteada ele teve oito filhos, um já falecido. Detlef admitiu que os abusos se deram ao longo de duas décadas, até que ele foi preso no final do ano passado.
A imprensa alemã, desde então, passou a chamá-lo de “Fritzl alemão”, numa referência ao austríaco Josef Fritzl que manteve sua filha em cárcere ­privado por igual período de tempo. A polícia e a Justiça da Alemanha jamais divulgou o sobrenome de Detlef.